h1

Renault Symbol – Terceiro Lugar no Guia Melhor Compra 2010 – Quatro Rodas

7 de julho de 2010

É isso aí pessoal, o nosso Renault Symbol apareceu no guia melhor compra 2010, terceiro colocado entre carros de 35.000 a 40.000 reais, e não poderia ser outro modelo a não ser o Expression 1.6 8V.  O campeão geral foi o novo Logan, que para mim não é surpresa, o visual melhorou muito e o espaço interno aliado ao valor da compra o tornam um campeão de vendas, mas vamos ao que interessa, o Symbol.

Carros de 35.000 a 40.000

Terceiro – Symbol Expression 1.6 – R$ 40.140,00

       O symbol foi um dos modelos com menor reajuste desde o melhor compra 2009. Na tabela, saiu de 39990 para atuais 40140 ( o que sabemos que não é real pois o compramos por 37990), menos que 0,4% de acréscimo. Hoje, com modelos circulando nas lojas de usados, já foi possível verificar seu índice de desvalorização, 15,8% (resumo, tirou por 37990, virou a esquina e vendeu por R$ 31988) absolutamente dentro do esperado ( a desvalorização do Logan é de 15,1%). As peças ficaram um pouco mais caras, mas não foram elas as responsáveis pela troca da liderança pelo terceiro lugar da categoria.

      Marketing Insuficiente? (com certeza) Design deficiente? (não) Falta de carisma? O symbol simplesmente não mostrou a que veio. De acordo com a Fenabrave, nos cinco primeiros meses de 2010, apenas 2903 Symbol foram emplacados (AAIIII, e um foi o meu), o que o deixou em sétima posição no ranking. Um verdadeiro fiasco mesmo diante do sexto colocado, o Logan, com 11069 empalacamentos registrados no mesmo período.

      Completo de série, o Symbol oferece ar-condicionado, direção hidráulica, travas e vidros elétricos e até airbag duplo. Confortável e com um conjunto de motor e câmbio capaz de entregar bons números de desempenho e consumo, o Symbol se manteve na categoria valendo-se da tolerância de 500 reais. Não é um best-seller, mas continua sendo uma boa sugestão.

DESVALORIZAÇÃO – 15,8 %

SEGURO – R$ 1.139

REVISÕES ATÉ 60.000 KM – GASTO – R$ 2.327,00

About these ads

17 comentários

  1. Seguro de R$ 1.139 !? Aos quase 60 anos, estou tirando o mesmo carro agora, e, de seguro, me pedem quase o DOBRO ! Agradeço informar seguradora por aquele valor.


    • O meu seguro custou R$ 1.390,00 e o seu?


      • Qual a seguradora de vocês? Aqui em porto alegre achei no mínimo por 3000 reais o seguro :(


      • Fiquei curiosa a respeito da seguradora também. Você poderia informar?


      • Simone, estou assustado com o preço do seguro, 1628, achei uma facada…


    • Pessoal, meu pai tem uma corretora de seguro, então conheço um pouco do assunto. Não sei quanto sai o seguro do meu Symbol porque eu fiz endosso de uma saveiro que eu tinha, que era um seguro caro. Só vou saber o preço mesmo em agosto. Mas adianto que preço do seguro depende hoje muito do CEP. É claro que idade e sexo influenciam, mas o CEP é o principal. Um mesmo carro pode mais do que dobrar dependendo do CEP. Em grande capitais o seguro tende a ser mais caro do que em cidade médias. E claro, é bom ver preço em segurados, mas com cautela, evitando nomes desconhecidos que podem ser lentas para a regulação do sinistro.


      • Paguei agora 1.600 para renovar o seguro, achei caríssimo, sendo que meu Polo anteriormente era 1200.


  2. Adquiri um Privilège essa semana. Tiro no dia 02 de agosto. Fiz um test-drive e gostei muito do carro.
    Meu irmão tem um Mégane há dois anos e adora o carro.
    Aos poucos a Renault foi resolvendo o problema das peças, que eram muito caras por serem, em sua grande maioria, importadas. Hoje, o Logan é o carro mais “nacional” do Brasil, com 98% das peças fabricadas aqui.
    Eu acho o Symbol bonito, embora algumas pessoas discordem (gosto é algo muito subjetivo). Mas, sinceramente, não foi esse o quesito que mais pesou na minha escolha. Achei o carro muito confortável, com um preço justo, seguro mais barato que os concorrente e com muitos itens de série. Enfim, procurei ser o mais racional possível. Afinal, é um meio de transporte e não um objeto de decoração.

    A Renault, aos poucos, vai pegando o “macete” de fazer carros para agradar aos brasileiros. Ela tem “quebrado” um pouco o desenho mais quadrado (vide novo Logan).

    Gostei muito do site! Em breve espero poder relatar minha experiência com o carro.


    • Grande Alex, parabéns pela aquisição, nos mantenha informado, abraços, Eric


  3. RENAULT SYMBOL EXPRESSION
    Ainda estou em lua-de-mel com o meu (modelo 2011), mas já tenho algumas impressões iniciais.

    PRÓS
    – Belo design, estilo de carro médio/grande
    – DH e AC de série, tornando o preço atraente sobre os concorrentes
    – Bancos dianteiros envolventes
    – Embora sacrificando o conforto dos passageiros de trás, o porta-malas é bem generoso, a ponto de eu carregar um colchão (de solteiro), com uma dobra só.
    – Banco de altura regulável é útil
    – Volante de altura regulável idem, mas a amplitude poderia ser maior (como no Santana), pq em viagens a posição dos braços é cansativa
    – Silencioso (parece que melhoraram o isolamento motor/cabine)
    – Consumo compatível com motor 1.6
    – Aceleração redonda, chegando a parecer carro elétrico !

    CONTRAS
    – Chave de ignição em posição desconfortável (considerar segurança na urgência de se dar partida e arrancar)
    – Retrovisor interno poderia ser discretamente convexo
    – Para os ocupantes de trás, é apertado para as pernas e baixo para a cabeça
    – Vidros elétricos só podem ser acionados com ignição ligada
    – Se o vidro for quebrado, sem violação das portas, o alarme não dispara (!?!)
    – Se, em vez da chave eletrônica, usamos a chave mecânica para destravar as portas, o alarme dispara (!?!)

    ELETRÔNICOS vieram pra ampliar funções, miniaturizar, reduzir pesos e custos. Mas vieram também pra resolver problemas que não existiam antes deles ! Sistema antiarranque me dá o receio de ficar na estrada. Saudades dos anos 80, em que resolvíamos urgências com clip e elástico…

    VOLANTE: Em viagens longas, para evitar dor nos braços e pulso, é importante que as mãos possam mudar de posição com frequência. Por regra, os volantes não oferecem opções confortáveis de posição, e o Symbol não é exceção. Mesmo em viagens de 100 Km (como Campinas – São Paulo), cansa ! Seria interessante desenvolver design realmente ergonômico para o volante, permitindo alternar a posição das mãos (entre volante e seus raios). Um atrativo a mais !

    COMENTÁRIOS FINAIS
    – Pra evitar ventania interna quando abro a janela do motorista, preciso abrir também a de trás; não faço questão de vidros elétricos, mas, nestas ocasiões (habituais) eles seriam mais úteis atrás (onde o motorista não alcança) do que na frente.
    – Para o pavimento ruim do país, o diâmetro total dos pneus poderia ser maior
    – Aguardo pela robustez (ruídos) de painel e carroceria a longo prazo.
    – No geral, parece que os franceses da Renault estão se aproximando dos imbatíveis alemães (na concepção) e dos japoneses (na execução).


  4. MISTURA IDEAL DE COMBUSTÍVEIS PARA USO EM FLEX ???

    E100 = etanol puro (100%)
    E 0 = gasolina pura (0% de etanol)
    E25 = “gasolina” brasileira (25% de etanol)
    E85 = 85% de etanol + 15% de gasolina (em volume)

    E85 é a mistura de 85% de etanol e 15% de gasolina – maior teor de etanol encontrado no Primeiro Mundo. Este limite de conteúdo de etanol foi instituído para evitar problemas de partida sob temperaturas abaixo de 11ºC – não raras no Brasil (além de tornar o etanol menos “seco”).

    Para uso no meu flex (Symbol), pretendo adotar a mesma proporção. Mas, para conseguí-la, não é suficiente misturar 85% de etanol com 15% da nossa “gasolina” (E25), uma vez que ela já contém 25% de álcool!

    Assim, é necessário refazer os cálculos. Para obter 100 litros de E85, preciso de 15 litros de gasolina pura – contidos em 20 litros da “gasolina” brasileira:

    20 l (E25) = 15 l (E0) + 5 l (E100)

    Se a estes 20 litros da nossa “gasolina” adicionarmos 80 litros de etanol, obtemos 100 litros de E85:

    20 l (E25) + 80 l (E100) = 100 l (E85)

    Em outras palavras: PARA OBTERMOS E85, A CADA LITRO DA “GASOLINA” BRASILEIRA ADICIONAMOS 4 LITROS DE ETANOL.

    Admitindo etanol a R$1,29/l, e “gasolina” a R$2,40/l, para obtermos E85, pagaríamos R$1,51 por litro da mistura (em $$$, grosso modo neste exemplo, de etanol poríamos o dobro do valor da “gasolina”).

    Destas misturas emergem perguntas interessantes, dentre as quais:

    (1) Para cada combustível há uma taxa de compressão ideal. Mas, para admitir ambos os combustíveis, os carros flex usam taxa de compressão intermediária – não ideal, nem para gasolina, nem para etanol. Qual será então a proporção ideal de mistura para otimizar o poder de explosão – e portanto rendimento, eficiência e custos?

    (2) Também a faísca deve ter um certo avanço – diferente para cada combustível. Admitindo que nos carros flex o avanço seja intermediário, será que é TOTAL a queima de cada combustível da mistura, ou há desperdício?

    (3) Será que a explosão da mistura se comporta como se fosse UM combustível com características intermediárias, ou ocorrem DUAS explosões em tempos diferentes?

    Quero as respostas a estas e muitas outras dúvidas, mas de alguém que realmente as SAIBA! Alguém SABE???


  5. Caro “meusymbol”, fiz umas perguntas para vc lá no Twitter, mas vamos repetir aqui:
    1. Vc disse que tinha um Polo 1.6 – agora com o Symbol, quais os prós e contras dos doisw
    2. Vi na internet alguns usuários reclamando de uma “folga” nos bancos dianteiros, quando se freia, se passa em buracos e lombadas, por conta do ajuste em altura do banco? O que vc notou até agora no teu, cara?
    Um abraço e parabéns pelo site! Os vídeos estão sendo de grande valia para a minha decisão: Fiesta Sedan 1.6 X Symbol 8V ou 16V X Polo 1.6.
    Valeu!


  6. Não consigo entender porque um carro tão bom, vende tão pouco, eu estou satisfeito, me preocupa, apenas, a sua, enventual, desvalorização


  7. Oi, eu sou o Alex, que fez o comentário no dia 20 de julho. Estou com o carro há pouco mais de 15 dias. Estou gostando muito. Pelo preço, com todos os itens de série, acho que não há melhor. O que mais gostei, e que achava algo relativamente inútil até usar, foi o controle do CD/rádio no volante.

    O consumo me surpreendeu positivamente. Diziam que ele era beberrão, mas ele está fazendo 11,6 km/l na cidade, o que é uma marca invejável para um sedan 16v. Tudo bem que Brasília é uma cidade de avenidas largas, onde se anda muito tempo em quarta, mas mesmo assim me surpreendeu. Ainda não testei no alcool. Quando for encher o próximo tanque, farei o teste.

    Respondendo ao Paulo, acho que ele vende pouco porque a Renault divulga mal esse carro. Acho que aquele preconceito com os carros franceses dimimnuiu muito, veja as vendas do Sandero e do Logan.

    Em tempo, o Megane é um excelente carro, mas vende pouco tb.


  8. Eric, Boa Noite,
    Tenho acompanhado os comentários feitos pelos novos donos de Symbol.
    Também adquiri um no mês de julho, um Symbol 1.6 8V com kit PAC, que acompanha comp. de bordo e rádio com comando satélite.
    Quanto ao carro, tenho poucas impressões, pois o uso só nos fins de semana, mas tenho observado alguns detalhes que, com esse contato, talvez tenha alguma luz, que são:
    1 – Acho o barulho do motor um pouco alto d+;
    2 – Ao cair em buracos um pouco mais fortes, acho que a suspensão trazeira faz um barulho não compatível com um carro novo e do porte do Symbol;
    3 – Acho que o banco do carona começa a fazer um certo barulho; (meu carro tem apenas 1.100 km);
    4 – Gostaria de instalar farois auxiliares mas não obtive na concessionária informação correta sobre os mesmos e o valor cobrado foi muito elevado;
    5 – Busquei informação para instalar um cabo no rádio que habilitasse a conexão de um pen drive por USB ou conectar um e-phone, mas após a confirmação da concessionária de que o rádio não podia conectar USB, fiz a aquisição de cabo, indicado pela própria Renault e solicitei a sua instalação. Para minha surpresa o rádio não funcionou.
    Por isso, caso alguém tenha feito a conexão e tenha dado certo, solicito informar como.
    Sds, Marcos


    • Marcos, sinceramente o som do Symbol é uma tristeza, fiquei a uma semana atrás com o Classic do meu irmão no qual eu havia instalado um sisteminha super simples de som, Cd Sony Explod, e kit Componente da selenium nas portas dianteiras, só isso, gastei R$ 390,00, o som ficou maravilhoso, não distorce nem nada, já no symbol, é uma chiadeira só.
      Quando a instalação do cabo, na comunidade do Symbol no orkut, vários donos de Symbol o fizeram e comentam que funcionou, de uma olhada.
      Quanto a barulhos, no meu o problema é na direção hidráulica que parece que tem areia dentro.
      Quanto aos faróis auxiliares a instalação deveria ser básica, recomendo que procure fora da concessionária.
      O motor do barulho é um absurdo mesmo, a 110 km/h é uma tristeza, parece que está dirigindo um trator.
      abraços
      Eric



Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: